13 março 2017

Obscena

Quantos artistas você conhece em Carazinho e região?
Com certeza menos do que gostaria, deveria, poderia e precisaria.
Porque a cena cultural de nossa cidade vai muito além dos artistas que estão sob holofotes. Existe uma cena contracultural que não está no centro, e nem nos jornais e revistas, e muitíssimo menos nos calendários oficiais do município. Uma cena que não está sob holofotes, mas que nem por isso deixa de existir.
Muito pelo contrário.
Por isso nós, da editora carazinhense Os Dez Melhores, ficamos felizes em anunciar o início do projeto editorial da revista Obscena – Observe a cena underground, uma publicação que buscará reunir os artistas independentes de Carazinho e região que não encontram espaço entre as estruturas tradicionais para divulgar e promover sua arte. Artistas do underground, no sentido literal da palavra.
A Obscena convida o leitor a olhar para o lado, e conhecer uma cidade cultural inteira, que existe, pulsa, e está bem embaixo dos nossos narizes, apesar da gente simplesmente não ver.
Observe a cena underground de sua cidade, e permita surpreender-se.